Menu degustação faz meus olhos brilharem! Quando fui a primeira vez no restaurante italiano Acqua (aqui) na ilha de Phuket na Tailândia, optei pelo cardápio à La Carte. Achei a comida tão maravilhosa que cancelei a reserva do outro restaurante e voltei dois dias depois para experimentar as criações do chef Alessandro Frau.
O serviço começou com aquele pãozinho quentinho, azeite de oliva de excelente qualidade misturado com um balsâmico de primeira. Rodrigo se fartou, enquanto eu resisti bravamente (coloca bravo nisso), porque já teria uma sequência de 8 pratos maravilhosos em seguida.

Para iniciar, camarão gigante direto da Itália com caviar. O prato era cru, mas eu pedi cozido. O primeiro já arrematou meu coração. Simples e perfeito!

Em seguida, carpaccio de vieiras servidos com trufas negras e aspargos cru em azeite de oliva, suco de limão e essência de trufas. Gente, inexplicável o sabor e mix de texturas desse prato!!!

Amo polvo bem feito e esse estava bom demais ao cubo! Salada de polvo cozido marinado em azeite de oliva extra virgem, limão, vinagre, folhas de erva doce, aipo e azeitonas Taggiasche D.O.P. Detalhe para azeitonas deliciosas, carnudas e sem excesso de sódio finalizou bem o polvo perfeito.
Agora, meu prato preferido da noite!!! Ovo cozido lentamente por 45 minutos em fondue de queijo, trufa preta fresca e pó de panceta crocante. Nossa! I-N-C-R-Í-V-E-L! Viveria dessa belezura para sempre!!!

Mais uma dessa delícia merecedora de um post exclusivo rsss.

Na sequência um belo risoto de açafrão com queijo stracchino, caviar e ouriço. Oi? Comi e não curti. Mas amei a experiência de ter experimentado a iguaria. Inclusive a possibilidade de provar algo fora do nosso paladar é uma das coisas que mais me encanta num menu degustação. Sempre estou aberta a novos paladares e na grande parte das vezes tenho surpresas excelentes.
 
O prato seguinte foi uma vieira (gigante) super macia, geleia picante e molho de abóbora trufada. Nesse prato também tinha foi gras mas eu pedi sem (não curto). Delícia total! Sem falar no capricho da montagem e apresentação desse e de todos os pratos da noite. Lindo!
O último prato da noite foi porco com purê de açafrão, purê de batata doce roxa (alô marombeiros!) e favas no seu próprio molho. Confesso que perdi o hábito de carnes tão gordurosas, então só tirei uma tasquinha. O destaque nesse prato foi a amada batata doce roxa e as favas que vieram boas demais da conta.
Ops! Na pressa de compartilhar com vocês as delícias, esqueci de mostrar a decoração do restaurante. Demoramos tanto comendo, conversando e nos deliciando que uma parte do restaurante ficou vazia. Ótimo para a foto! Decor super moderno! Adoro!!!
Para encerrar o menu, a sobremesa. Ao ler no cardápio já amei o fato de ser algo sem chocolate. Não, não tenho nada contra o chocolate. Aliás amo um bom chocolate amargo, mas admiro a coragem de um chef de inovar em combinações mais inesperado. Foi uma surpresa pra lá de agradável (e gostosa). Cannoli (canudinhos chics extremamente crocantes) siciliano com creme de ricota doce, laranja, raspas de chocolate e Marsala flavorizada. Tirei a laranja que achei muito doce e uau!!! Um festival de croc croc com um creme extremamente sedoso e macio.
Terminei ainda mais encantada pelo restaurante Acqua de Phuket. Atendimento excelente e comida incrível do chef Alessandro Frau. Sem dúvidas, o melhor jantar de Phuket. Visualmente bonito e deliciosamente gostoso rss.
Vai ficar na minha memória gustativa para todo sempre!!!

Restaurante Acqua: www.acquarestaurantphuket.com

Acqua restaurant – Patong – Phuket – Tailândia