Uma das vantagens de ter lançado meu blog esse ano é poder reviver minhas viagens através das fotos. Volto no tempo e fico lembrando de toda experiência vivida naquele lugar. Não tem preço…
Algumas pessoas como escolho meu destino. Não tenho muita explicação! Escolho com o coração. Como não tenho sonho específico de conhecer certo lugar, vou deixando meu coração me levar para onde me desperta mais curiosidade naquele momento. E um dos lugares que fez meu coração bater mais forte foi o Alasca. Curto muito lugares remotos! Mas o Alaska é praticamente inacessível por terra e pensar que poderia explorar o local de cruzeiro, com conforto me incentivou ainda mais. 
Para começar, a escolha um cruzeiro. Fiquei na dúvida entre duas empresa: Regent Seven Seas e Celebrity Cruise. Como deixei para cima da hora, não existia mais vaga para a saída do elegante e mais exclusivo Regent que coincidiria com a data da minha viagem. Então, não pensei muito e escolhi a Celebrity. Para antecipar, não me arrependi nem um pouco! Gostei muito do cruzeiro. Haviam poucos quartos disponíveis quando fui reservar. Escolhi a opção do Acqua Class que é uma categoria abaixo da top master suíte. Como nunca havia feito um cruzeiro, confesso que fiquei com receio do tamanho do quarto ser micro como já li em alguns blogs. Mas o quarto era super espaçoso e confortável. A suíte Aqua Class tem a vantagem de ter varanda, mordomo para agendar suas atividades durante toda a viagem (do spa aos jantares e passeios), servir o chá da tarde (ele vem com um carrinho lotado de doces e chás todos os dias à tarde. Fugi dele com força total hahahaha) e todas as refeições podem ser servidas no quarto sem nenhum custo extra. O cruzeiro é all inclusive e coloca all nisso. Vou falar de toda parte gastronômica absurda num próximo post. Nesse quero mostrar um pouco das instalações do navio e dos passeios imperdíveis que fiz durante a viagem pelo Alasca.
 
Roteiro: Seattle, Ketchikanm (a capital do salmão), Tracy Arm Fjord, Juneau, Skagway, Victoria (Canadá) e retorno para Seattle.

O quarto

Decoração antiga, mas tamanho super confortável e banheiro grande.

Boas vindas com frutas e champagne

Biblioteca e espaço de leitura.

Spa dos pés e mãos com uma vista incrível

Academia super bem equipada com aparelho modernos e vista incrível

 Área externa muito bem utilizada com temperatura abaixo de zero.

 Piscina aquecida para os menos corajosos como eu rsss. Dentro desse espaço tinham refeições saudáveis com custo adicional de U$5. Nem preciso dizer que me acabei aqui nos lanchinhos.

O cruzeiro era monstruoso de grande. Para me espanto, a atmosfera é muito tranquila e não se me muvucas ou aglomerações dentro dele. Eu jurava que estava com lotação mínima pois os espaços estavam sempre vazios. A verdade é que o número de atividades simultâneas, a organização do staff e o espaço interno é tão grande que as pessoas ficam muito espalhadas pelo cruzeiro e não existe a sensação de lotação máxima. Fiquei muito surpresa positivamente!
 

 Show de jazz. Eu, Rodrigo e mais umas vinte pessoas apenas apreciando esse show. Espetacular!!!

Uma das atrações do dia era apreciar o por do sol. Sempre fantástico!

Um dos passeios mais esperados é a parada na lagoa em Skagway para ver as baleias. Comprei o passeio dentro do navio, assim como todos os outros tours. Os passeios custam mais caros, mas é mais seguro para não perder o horário da volta e muito mais confortável. Nesse tour somos levados de ônibus até uma lagoa e de balsa até o meio da lagoa. Nesse ponto, dizem ser impossível não ver uma por ali. Confesso que imaginei quase um show da shamu (Disney #feelings), mas na verdade as baleia ficam bailando num ponto distante no qual só é possível tirar boas fotos com a objetiva (a minha vai até 250mm), mas é super emocionante vê-las tão perto e soltas na natureza. Há também muitos leões marinho rodiando o barco. Lindo de se ver!
Uma outra parada gostosa que o cruzeiro faz é em Victoria. O cruzeiro vende inúmeros passeios na cidade, mas eu quis mesmo foi ficar rodando sem rumo. A cidade é um encanto! Abriu um gostinho pelo Canadá que nunca havia sentido. 
Fique atento, se o cruzeiro fizer alguma parada no Canadá é obrigatório ter o visto do país. Mesmo que você decida ficar dentro do navio. Sem o visto não é possível embarcar no cruzeiro e vc perderá toda sua viagem e dinheiro. Um casal de brasileiros não se atentou e foi barrado. Perderam a viagem e quem sabe um sonho! Fique atentos as paradas!!!

Victoria

 Victoria

 A melhor atração da viagem é o Tracy Arm Fjord. Que lugar! Que imensidão! É uma delícia se sentir uma amêndoa ao redor das montanhas com resquício de neve. Só essa paisagem já vale a viagem. É incrível! As fotos não conseguem transmitir a sensação da grandeza e beleza desse lugar. O fjord é tão extenso que tomamos café no quarto apreciando esse lugar mágico e depois subimos para  apreciar lá do alto toda essa maravilha.

 Milhões de clique no mesmo lugar. Quem nunca rsss?!?!?

 Para finalizar, o passeio mais incrível que fizemos foi ir de helicóptero dentro do glacial. Simplesmente fantástico! Sentimento total de Planeta Extremo rsss. O passeio é bem caro, mas vale cada centavo investido. Além de pisar num local extremamente branco e sensível, existem uns rios com um azul maravilhoso. A melhor experiência da viagem sem sombra de dúvidas!!!

 

 A expedição!

 Com umas 3 blusas, dois casacos e uns 15kg a mais. Hahahaha

A temperada para explorar o Alasca começa em maio e vai até setembro. Não deixe para cima da hora (como eu rss), planeje se com antecedência. Eu amei a hospedagem, a comida e o atendimento do cruzeiro Celebrity Cruise. Existem muitas opções e locais de saída. Se tiver liberdade de data, escolha um roteiro mão única, ou seja, que saia de uma cidade e termina em outra. Assim, nenhum lugar fica de fora!!!
Esse post visa exterminar aqueles que ainda estão na dúvida de conhecer esse lugar tão remoto chamado Alasca. Vá! Você vai se surpreender. É um local fantástico com paisagens incríveis. Vale muito a pena! Não é um lugar de compras, mas sim de curtir a natureza e suas adversidades. Eu amei demais essa viagem!
Bjs bjs