Seguindo a onda de restaurantes próximos a pontos turísticos não poderia deixar de mencionar meu queridinho Laguiole. Almoçar no Laguiole é a melhor forma de encerrar o tour no Museu de Arte Moderna seja você um turista ou um carioca da gema. O restaurante é espetacular! Mas não pense que o Laguiole é um desses bistrôs básicos de museu. É um restaurante dentro do museu, mas como vida própria. Tanto que os clientes em sua maioria não são turistas, mas sim engravatados que saem para almoçar ou fazer suas reuniões por lá.
O ambiente é super agradável, moderno e clean com atendimento de primeira. A cozinha inventiva e saborosa tem um cardápio enxuto sem deixar a desejar! Os pratos tem inspiração em ingredientes brasileiros com pegada contemporânea e criativa tanto nos pratos novos como nas releituras de combinações clássicas já consagradas.
 Foto: site
 Foto: site
Estive lá no início do ano, então infelizmente as opções postadas abaixo não estão mais em cartaz. 
Mas fica a dica de um restaurante excelente para fechar com chave de ouro sua visita ao MAM ou para aquele almoço mais longo de sexta feira de quem trabalha no centro da cidade e não quer ir muito longe. Ali é possível sair do vuco vuco do centro e ainda degustar uma comida incrível.
Comecei meu almoço com salada de folhas orgânicas, lâminas de pupunha e tomate cereja assado. Bom, muito bom! Quem não curte salada acha que salada é tudo igual. Um prato com um monte de mato rsss. Mas os apreciadores de salada (como eu) sabem como a textura e os toques dos temperos corretos nos vegetais fazem diferença. Salada delícia com texturas variadas e sabor incrível. Amooo!
No prato principal a dúvida foi grande. Fiquei entre o pintado grelhado com mil folhas de cará, banana da terra e cupuaçú acompanhado de três sagus e jambu refogados ou a trilogia de badejo acompanhado de salada remoulade de palmito pupunha e agrião. Duas boas opções! Mas… Meu coração disparou quando avistei o risoto de quinoa real com cavaquinha grelhada, gelatina de limão ao molho de champagnhe. Não pensei duas vezes e me entreguei. Pirei! Maravilhoso! Delicioso!
Vendo o cardápio on line minha opção atual certamente seria o Jardim de Burle Marx com peixe do dia. Só pelo nome já é possível imaginar os mini legumes formando uma obra de arte no prato. Salivo só de pensar! Huummm.
O Laguiole aprendeu bem a lição do que é comer com os olhos. A apresentação dos pratos é criativa e muito cuidadosa. O prato (não postado) do meu esposo veio lindo. Uma verdadeira obra de arte! Sabor e apresentação são fundamentais para uma experiência gastronômica completa. Estou doida para voltar.

Laguiole – Avenida Infante Dom Henrique 85 (MAM) – Aterro do Flamengo – Rio de Janeiro