Conheci o Bistro MAC há alguns anos quando fui pela primeira vez no MAC – Museu de Arte Contemporânea. Fiquei encantada com o local! A arquitetura do museu é uma magnífica obra de arte do mestre Oscar Niemeyer. A vista da Baia de Guanabara é de tirar o fôlego. É “o” lugar! O museu tem um acervo próprio, exposições programadas e ações educativas para a criançada. Um belo (em todos os sentidos) programa. O Bistro do museu fica no subsolo e é todo envidraçado. Um toque a mais de sabor comer admirando a paisagem!  
Confesso que minhas últimas idas ao Bistro do museu é pela localização. O restaurante fica no meio do caminho da região dos Lagos. Então, vira e mexe paro ali na ida ou na volta para jantar e esperar o trânsito melhorar. O restaurante está sempre calmo e tem meu ingrediente preferido para o jantar: pupunha. Amooo! Super leve, low carb, rico em fibras e delicioso. Minha paixão! 
No bistrô o prato é camarão VG ao perfume de azeite trufado e linguini de pupunha. Já comi algumas vezes (perdi as contas) e amo o preparo deles! Sempre bem temperado e com bons (quero dizer grandes rsss) camarões.
 
Na última vez fiz uma escolha diferente para postar para vocês. Escolhi um prato do cardápio funcional. Pedi peixe branco em crosta de tapioca com risoto de quinoa com legumes. Estava gostosinho, mas nada espetacular como minha comida funcional de casa. Faltou tempero. Faltou bossa! Enfim, esse foi o único prato do restaurante que não achei delicia.
Mas não tirou o brilho do restaurante. Estamos sempre por ali e curtimos a comida. 
O esposo ama as opções mais suculentas e ricas em carboidratos que ele faz rsss. Eu já experimentei alguns pratos antes do linguini aparecer na minha vida. Já comi o linguini de camarão (amooo!) inúmeras vezes e está sempre muito muito muito bom.  O filé de frango com aipim rostie foi minha escolha quando almocei por lá e estava perfeito. O filé de frango ao molho de damasco (peço o molho separado e sem brie) com juliene de legumes também é super gostoso e bem temperado. Um prato que nunca comi, mas estou sempre de olho é o linguini de legumes com salmão. 
O bistro do museu é meu pit stop preferido de ida ou volta de viagem para a região dos lagos!!!
Os cariocas que não conhecem o MAC anotem na agenda para o próximo final de semana com sol. O museu é bacana, o lugar é lindo para tirar fotos ou apenas para admirar. O museu fecha às 18h. Vá cedo e com calma para curtir a programação cultural completa, visitar o museu, admirar a paisagem e depois ir ao bistro. Um programa delicioso para um final de semana enriquecedor!!!
O Bistro Mac fica no subsolo do MAC no Mirante da Boa Viagem – Boa Viagem – Niterói – Rio de Janeiro